Primeira Caminhada pela Valorização da Vida ocorre em Palmas

O CVV (Centro De Valorização Da Vida), proporcionará no dia 14/09, a primeira caminhada pela valorização da vida de Palmas, às 18 horas, na Praça dos Girassóis (em frente ao quiosque Toro Grill)

A promoção da saúde mental vem tomando maior visibilidade nos últimos anos, a partir da discussão de possibilidades de inserção em diferentes locais e realidades, tendo em vista que o sofrimento psicológico é uma realidade irrefutável na atualidade. Neste contexto, o Setembro Amarelo, desde 2015, traz a pauta como urgente e necessária, e o enfoque é predominantemente em relação à prevenção do suicídio, que ocupa larga escala nos cuidados em saúde. 

Muito mais que alertar, o Setembro Amarelo incita a participação da população, evidencia a necessidade de que haja compreensão social mais abrangente sobre a temática do suicídio, sendo este multifatorial, e que o preconceito dificulta o processo de acolhimento e cura do indivíduo em sofrimento. O mês que corrobora na prevenção só é possível com a sensibilização, divulgação e participação da população no processo.

encurtador.com.br/imsvU

Pensando nisso, o CVV (Centro De Valorização Da Vida), proporcionará no dia 14/09, a primeira caminhada pela valorização da vida de Palmas, às 18 horas, na Praça dos Girassóis (em frente ao quiosque Toro Grill).

O CVV só existe pela mobilização do trabalho voluntário, que presta apoio emocional 24 horas através do número 188, de forma gratuita em todo Brasil. Sendo essas ligações sigilosas, proporcionando confiabilidade, no qual o voluntário propicia escuta qualificada, sem julgamentos, além de serem preparados para realizar intervenção em crise.

encurtador.com.br/kxFGO

 

Dados Alarmantes:

Segundo a Organização Mundial da Saúde (OMS), a cada 40 segundos uma pessoa tira a própria vida; tal dado não representa completamente a realidade, pois há muitos óbitos e tentativas que não são contabilizadas, portanto, essa estatística é ainda maior. Visto essa realidade, a OMS pede que haja adoção de prevenção pela parte governamental. Neste contexto, o suicídio é uma questão global de saúde pública. Todas as idades, sexos e regiões do mundo são afetadas.

De modo geral, em algumas regiões do mundo, houve diminuição nos índices de 17%; entretanto, no Brasil, houve aumento dos dados estatísticos. Segundo a Unifesp (Universidade Federal de São Paulo), entre 2006 e 2015, houve aumento de 24%, entre os jovens de 10 a 19 anos, nas maiores cidades Brasileiras.

encurtador.com.br/diuFK

Tais pesquisadores da Unifesp utilizaram dados do SUS (Sistema Único de Saúde), do IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística) e do Coeficiente Gini (que mede desigualdade) para compreender alguns dos motivos que colaboram para o aumento dos índices. Aponta-se: a internet, mudanças sociais no contexto do país, e a deficiência em políticas públicas, como motivadores que levam ao suicídio. Mas é preciso alertar que existem inúmeras questões que podem permear tal atitude, tendo de ser tratadas com respeito, compreensão da visão de mundo, e vivências que propiciam adoecimento psíquico.

Levando em conta que cerca de 800 mil pessoas tiram a própria vida por ano (segundo a OMS) é necessário que o tema seja tratado com responsabilidade, cuidado, e urgência, pois se trata de saúde pública. É preciso encorajar a busca do atendimento psicológico dos indivíduos que se encontram em risco, assim como a adesão de iniciativas que tragam a pauta da saúde mental, e a promoção da vida, como a proposta pelo CVV na cidade de Palmas-TO.

Referências:

SOBRINHO, P. W. Suicídio cai no mundo, mas cresce em até 24% entre adolescentes no Brasil; UOU em São Paulo, 2019. Disponível em: https://noticias.uol.com.br/saude/ultimas-noticias/redacao/2019/04/27/suicidio-cai-no-mundo-mas-cresce-ate-24-entre-adolescentes-no-brasil.htm >Acesso em: 10 de setembro de 2019.

RODRIGUES, A. OMS alerta para a adoção de estratégias para a promoção de suicídio Agência Brasil em Brasília, 2019. Disponível em: http://agenciabrasil.ebc.com.br/saude/noticia/2019-09/oms-alerta-para-adocao-de-estrategias-de-prevencao-ao-suicidio >Acesso em: 10 de setembro de 2019

BBC News; Setembro Amarelo como conversar com alguém que está pensando em suicídio, 2019. Disponível em: https://noticias.uol.com.br/ultimas-noticias/bbc/2019/09/09/setembro-amarelo-como-conversar-com-alguem-que-esta-pensando-em-cometer-suicidio.htm>Acesso em: 09 de setembro de 2019

Maria Eduarda Oliveira
Acadêmica de Psicologia na instituição de ensino CEULP/ULBRA, voluntária no programa de extensão (EN)cena - Saúde Mental em Movimento. Compõe equipe de produção textual.