Curso de Psicologia do Ceulp adere à campanha nacional pela saúde mental da população negra

Campanha promovida pela ANPSINEP contará com seminários e apoio de diversas instituições.

Durante o período de 15 de agosto a 15 de setembro, o curso de Psicologia do Ceulp/Ulbra será parte das instituições que prestam apoio à campanha “Saúde Mental da População Negra Importa!”, promovida pela Articulação Nacional de Psicólogas (os) Negras (os) e Pesquisadoras (es) (ANPSINEP). Mobilizado pelas demandas urgentes que envolvem a saúde mental e integridade da população negra, o curso de Psicologia, representado pelo Portal (En)Cena, promoverá atividades virtuais e conteúdos voltados a esses temas ao longo da campanha. O objetivo da mobilização será engajar os acadêmicos do curso e usuários o Portal (En)Cena em espaços de discussão e reflexão acerca das questões raciais e políticas que envolvem a prática da Psicologia.

Segundo a ANPSINEP, o escopo da mobilização está na necessidade de discussão da Política Nacional de Saúde Integral da População Negra, que não tem recebido a atenção devida dos órgãos públicos, fazendo com que a responsabilidade pelo cuidado junto a essa população recaia aos psicólogos negros. As novas demandas geradas pela pandemia de Covid-19 também serão pauta de discussão, uma vez que evidenciam a necessidade de uma melhor articulação das práticas públicas em saúde mental e acolhimento das populações historicamente desvalorizadas.

Fonte: El País.

A ANPSINEP é uma organização constituída pela articulação de diferentes instituições e movimentos com trabalhos no campo das relações raciais em psicologia, seu objetivo é articular a produção de conhecimento e a ação política, no campo da psicologia, sobre o impacto do racismo na construção das subjetividades e nas relações raciais. Para mais informações sobre a ANPSINEP e a campanha, acesse o site ou o perfil no Instagram.

Isaura Rossatto
Acadêmica de psicologia no CEULP/ULBRA e colaboradora no portal (En)Cena.