A síndrome de Hulk, o marasmo de Bruce Banner

A síndrome de Hulk é uma síndrome atipicamente falada pela comunidade, é marcada por manifestações inesperadas de raiva. Essas manifestações constantemente se configuram em condutas violentas. No contexto médico, o nome certo seria síndrome de Amoque. Via de regra, porém, é familiar pelo nome do popular monstro verde dos cinemas: Hulk.

Hulk foi um personagem antes de tudo dos quadrinhos da Marvel. Foi há pouco tempo que ele surgiu em diversos filmes que foram se adequando para o cinema pelo mundo dos cinemas da Marvel. Um desses filmes está o último grande lançamento da saga ‘Thor’, bem como ‘Os Vingadores’. Hulk é o alterego do amável Dr. Bruce Banner, que se contaminou enquanto fazia algumas experiências com lixo tóxico.

Desde então, surge em Dr. Banner uma segunda personalidade: Hulk. Esse grande monstro aparece repentinamente, é impetuoso e interessa-se por aniquilar tudo que está em sua volta. O Dr. Banner não consegue conter o Hulk, e a mesma coisa pode ser destinada ao Hulk conter o Dr. Banner. Paulatinamente, o Dr. Banner assimila e se relaciona com seu monstro verde.

Fonte: encurtador.com.br/tuJL0

 

Com base na sua designação nos quadrinhos, conseguimos inserir Hulk nesse cenário no qual sucedem atitudes muito viscerais e desgovernados oriundos do sentimento de raiva ou da ira. Somo capazes de compreender melhor se refletirmos que no momento nosso corpo transita pelo sentimento de raiva, mas nossa mente tenta coibi-lo ou repeli-lo de forma metódica, pode ser que certa altura nós acabemos consumidos pela raiva de forma desmedida.

Conforme peritos na temática, a síndrome de Hulk está associada a coeficientes culturais. Embora a síndrome já tenha sido fundamentada em diversas culturas, existem minúsculas peculiaridades concretas e específicas em cada cultura que não podem ser observadas em pessoas de outras culturas com a mesma patologia. No ocidente, antes da aparição do Hulk como personagem, a síndrome de Hulk já estava documentada. Ela era conhecida pelo seu outro nome que mencionamos acima: a síndrome de Amok. A palavra Amok veio da expressão Malaia “meng-amok”. Esse vocábulo significa, em uma tradução abrangente da expressão para o português que não deem uma palavra direta, “atacar e matar com uma raiva cega”.

Menciona-se que a síndrome de Hulk seja a consequência de muitos conflitos e a origem de muitas hostilidades. As pesquisas, entretanto, indicam que a frequência do diagnóstico é bem inferior que sua ocorrência concreta na comunidade.